sábado, 8 de setembro de 2012

book #134 - segredos de sangue

Não há muito a dizer sobre este livro, apenas que, a meu ver, é o que se costuma chamar, nas séries, um filler.
Basicamente serve para acalmar a storyline, acrescentado pequenos pormenores que nos livros seguintes poderão acrescentar ou originar algo novo à storyline.
Pela primeira vez, em muito tempo, consegui encontrar um ponto positivo num livro desta saga. Alexei Romanov.
Okay, ele é completamente maluco e desvairado como vampiro, mas eu adoro o misticismo envolta na familia Romanov e só o facto de a autora o ter colocado no livro como "irmão" do Eric ... isso é um ponto bastante positivo, a meu ver.
E depois temos a eterna comparação entre a série e os livros. Juro que não consigo entender o porque de terem mudado certos pormenores.
Na série, Godric é o "pai" do Eric, enquanto que nos livros, chama-se Àpio e é um general romano. E isto é apenas "a ponta do iceberg", como se costuma dizer.
Sinceramente, cada vez mais os livros desta saga deixam-me confusa e só os leio mesmo por ler, porque se os tento entender, a minha mente dá nó.

Sinopse;
Depois de suportar tortura e a perda de entes queridos durante a breve mas mortífera Guerra dos Fae, Sookie Stackhouse sente-se magoada e furiosa. O único elemento positivo da sua vida é o amor que acredita sentir pelo vampiro Eric Northman. Mas este está sob olhar atento do novo rei vampiro por culpa do relacionamento de ambos. Enquanto as implicações políticas da revelação dos metamorfos começam a ser sentidas, a ligação de Sookie a um lobisomem específico arrasta-a para uma questão perigosa. Além disso, sem saber, apesar de os portais para Faery terem sido fechados, restam alguns fae no mundo humano... E um deles está zangado com Sookie. Muito, muito zangado.

Sem comentários: