segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

para ler - 2012 (62/62)

A Ler;




2012 Reading Challenge

2012 Reading Challenge
Diana has
read 31 books toward her goal of 62 books.
hide


Diana's bookshelf: read

Desejo
Paixão Escura
Claimed By Shadow
Mentira Escura
Upon the Midnight Clear
The Darkest Secret
The Darkest Surrender
Na Sombra do Amor
Ascensão à Meia-Noite
No Rest for the Wicked
Lord of the Vampires
Lover Avenged
Lover Mine
The Darkest Seduction
The Warlord Wants Forever
Wicked Deeds on a Winter's Night
Os Jogos da Fome
Dream Chaser
House of Night #1
House of Night #2


Diana's favorite books »




1. Desejo – J.R. Ward (01.01.2012)
2. Paixão Escura – Gena Showalter (13.01.2012)
3. O Apelo das Sombras – Karen Chance (14.01.2012)
4. Mentira Escura – Gena Showalter (16.01.2012)
5. Upon the Midnight Clear – Sherrilyn Kenyon (21.01.2012)
6. The Darkest Secret – Gena Showalter (27.01.2012)
7. The Darkest Surrender – Gena Showalter (30.01.2012)
8. Na Sombra do Amor – J.R. Ward (03.02.2012)
9. Ascensão da Meia Noite – Lara Adrian (05.02.2012)
10. No Rest for the Wicked – Kresley Cole (08.02.2012)
11. Lord of the Vampires – Gena Showalter (11.02.2012)
12. Lover Avenged – J.R. Ward (18.02.2012)
13. Lover Mine – J.R. Ward (22.02.2012)
14. The Darkest Seduction – Gena Showalter (27.02.2012)
15. The Warlord Wants Forever - Kresley Cole (02.03.2012)
16. Wicked Deeds on a Winter’s Night – Kresley Cole (09.03.2012)
17. Os Jogos da Fome – Suzanne Collins (14.03.2012)
18. Dream Chaser – Sherrilyn Kenyon (16.03.2012)
19. House of Night – Graphic Novel #1 (17.03.2012)
20. House of Night – Graphic Novel #2 (17.03.2012)
21. House of Night – Graphic Novel #3 (17.03.2012)
22. House of Night – Graphic Novel #4 (17.03.2012)
23. Acheron – Sherrilyn Kenyon (09.04.2012)
24. Em Chamas – Suzanne Collins (22.04.2012)
25. A Revolta – Suzanne Collins (26.04.2012)
26. A Cidade dos Anjos Caídos – Cassandra Clare (19.05.2012)
27. Despertada – P.C Cast & Kristin Cast (20.05.2012)
28. Dark Needs at Night’s Edge – Kresley Cole (27.05.2012)
29. Frostbite (Graphic Novel) – Richelle Mead (04.06.2012)
30. Divergente – Veronica Roth (06.06.2012)
31. Her Warrior King – Michelle Willingham (09.06.2012)
32. One Silent Night – Sherrilyn Kenyon (12.06.2012)
33. Shadow of the Moon – Sherrilyn Kenyon (13.06.2012)
34. Infamous – Sherrilyn Kenyon (18.06.2012)
35. Hush, Hush (Graphic Novel) – Becca Fitzpatrick (19.06.2012)
36. Dream Warrior – Sherrilyn Kenyon (20.06.2012)
37. Unbearable Lightness – Portia de Rossi (18.07.2012)
38. Mulheres de Vida Apaixonada – Maria Pilar Queralt del Hierro (22.07.2012)
39. O Highlander Indomável – Mónica McCarty (14.08.2012)
40. O Véu da Meia Noite – Lara Adrian (18.08.2012)
41. Segredos de Sangue – Charlaine Harris (24.08.2012)
42. Bad Moon Rising – Sherrilyn Kenyon (31.08.2012)
43. Wicked Nights – Gena Showalter (13.09.2012)
44. Fifty Shades of Grey – E.L. James (14.09.2012)
45. Dark Desires After Dusk – Kresley Cole (25.09.2012)
46. Um Toque de Sangue – Charlaine Harris (03.10.2012)
47. Destinada - P.C Cast & Kristin Cast (06.10.2012)
48. Juramento de Dragão - P.C Cast & Kristin Cast (07.10.2012)
49. Crescendo – Becca Fitzpatrick (09.10.2012)
50. Nas Masmorras do Duque de Langeais – Becca Fitzpatrick (09.10.2012)
51. As Crónicas de Nárnia; A Viagem do Caminheiro da Alvorada – C.S. Lewis (10.10.2012)
52. Silêncio – Becca Fitzpatrick (21.10.2012)
53. A Cidade das Almas Perdidas – Cassandra Clare (24.10.2012)
54. Kiss of a Demon King – Kresley Cole (28.10.2012)
55. Inveja – J. R. Ward (03.11.2012)
56. Sangue Ardente - Charlaine Harris (12.11.2012)
57. Lover Unleashed - J. R. Ward (28.11.2012)
58. Lover Reborn - J. R. Ward (06.12.2012)
59. Clockwork Angel Graphic Novel - Cassandra Clare (07.12.2012)
60. Sangue Impetuoso - Charlaine Harris (11.12.2012)
61. O Estranho Mundo de Jack - Tim Burton (25.12.2012)
62. Pleasure Unbound - Larrisa Ione (29.12.2012)

domingo, 30 de dezembro de 2012

cold case.

Ando tão viciada nesta série que até parece mentira ... a sorte é que já estou na última temporada e por isso o vicio vai acabar não tarda nada e assim posso voltar ao que tenho que fazer.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

lançamento SdE 2012 - Janeiro a Abril

JANEIRO
À Luz da Meia Noite - Sherrilyn Kenyon
Amo-te em Todas as Línguas
Lisboa do Ano 2000
O Inferno de Gabriel - Sylvain Reynard
Porque És Minha - Beth Kery
Inferno nos Açores - Clive Cussler
Acácia: Outras Trevas - David A. Durham
20 Anos Moonspell - Fernando Ribeiro e Paulo Moreira

FEVEREIRO
Ritual de Amor - Nora Roberts
Beijo - Jill Mansell
Codex Maia - Douglas Preston
Highlander O Domador do Guerreiro - Karen M. Moning

MARÇO
Laços Perversos - Shayla Black
Pretoriano - Simon Scarrow
Traidor - Bernard Cornwell
Mago: A Filha do Império - Raymond E. Feist
Carícias da Noite - Laurell K. Hamilton
Deus da Guerra - Matthew Stover e Robert E. Vardeman
A Espada Ajuramentada (BD) - George R.R. Martin

ABRIL
Sedução Mortal - J.D. Robb
O Êxtase de Gabriel - Sylvain Reynard
Marés Perigosas - Christine Feehan
Escolhida - PC & Kristin Cast
Saga do Sangue Fresco Volume 13 - Charlaine Harris

Adeus, Até ao Meu Regresso - José Sequeira Gonçalves

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

book #152 - o estranho mundo de jack

Surripei o livro da minha irmã e meia hora depois já estava despachada.
É o tipico livro do Tim Burton. Umas pequenas frases para ajudar á compreensão da história e o resto são imagens.
É uma versão bastante resumida do famoso filme, mas senti a falta da Sally e do Bogeyman. Sim, no livro eles nem aparecem.
Não sei se o livro foi criado antes ou depois do filme, mas quem se lembrou de criar o a Sally e o Bogeyman teve uma ideia de génio.
É um bom livro para ler no natal, uma vez que é uma história natalicia, apesar de muita gente associar o filme ao Halloween.

Sinopse;
O Estranho Mundo de Jack, escrito e ilustrado por Tim Burton, é já um clássico infantil e conta-nos a história de Jack Esquelético numa assustadora véspera de Natal.
Uma noite, enquanto passeia entediado na floresta de Halloween, Jack encontra algo que nunca vira antes: uma porta esculpida numa árvore. Ao abri-la, Jack entra no mundo alegre e cintilante da Cidade do Natal! Maravilhado com tanta luz e animação, Jack decide raptar o Pai Natal e levá-lo para Halloween, planeando as mais medonhas traquinices para a véspera de Natal.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

domingo, 23 de dezembro de 2012

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

book #151 - sangue impetuoso

Finalmente, algumas respostas. Sim, depois de doze livros apenas a criar duvidas, eis que a autora começa a responder a algumas perguntas.
Confesso que fiquei um bocado desiludida, porque gostava mesmo do Claude e fazer dele o mau da fita foi um pouco blah ... mas antes isso do que matá-lo de maneira estúpida.
Fiquei um pouco receosa que a Sookie acabasse por ficar com o Bill, mas algo me diz que ela vai ficar com o Eric no livro final e acho bem que assim seja.
De resto, é impossivel falar do livro sem que deixe escapar aqui ou ali um spoiler. Mas tenho que acrescentar algo; achei muito bem a Sookie ter salvo o Sam ... True Blood sem Sam não é a mesma coisa.
É esperar agora pelo último livro desta saga para descobrir o que falta descobrir e esperar que todas os mistérios sejam resolvidos e todas as perguntas encontrem uma resposta decente.

Sinopse;
Sookie tem um homicídio para investigar. Uma rapariga morre numa festa de vampiros e tudo indica que o culpado seja Eric, o seu namorado. Eric jura-se inocente, a polícia não acredita e até Sookie tem dúvidas. E não sente grande vontade de aceitar a sua palavra depois de o apanhar a saborear o sangue da vítima minutos antes da morte. Mas algo estranho se passa. Porque lhe pediram que chegasse à festa fatídica alguns minutos mais tarde apenas para o surpreender em flagrante? E porque «temperou» a vítima o seu sangue antes de se aproximar de Eric? Terá sido apenas por querer ser irresistível ou haverá um motivo mais sinistro?

Sookie terá de descobrir... mas é o pior momento possível para investigar, numa altura em que a sua família fae vive um momento problemático e Sookie acaba por se ver inevitavelmente arrastada. Há ainda uma última complicação: o cluviel dor que a avó lhe deixou. Conceder-lhe-á um desejo que poderá tornar real a maior aspiração do seu coração. O único problema é que ainda não sabe o que o seu coração deseja realmente. Ou quem...

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

book #150 - lover reborn

Gostei do livro, mas está muito longe de ser o meu preferido da saga.
Não é segredo nenhum que adoro o Qhuinn e o Blay e depois de ler a sinopse do livro seguinte havia coisas que esperava deste livro e que acabou por não se concretizar. Sabia que a Layla ia ficar grávida do Qhuinn e esperava uma descrição completa da cena ... não aconteceu e fiquei bastante frustrada. É um elemento chave do próximo livro e nem a descrição de um beijo teve. Muito mau.
Depois temos mais do mesmo em relação ao livro Lover Unleashed. A autora volta a recorrer a um casal que já teve direito a um livro, neste caso, o John e a Xhex, o que faz sentido, uma vez que o Tohr é o pai adoptivo do John e a No'One é a mãe da Xhex.
Quanto ao casal principal ... não esperava que esses dois ficassem juntos, mas ao ver bem as coisas, faz sentido.
O Tohr salvou a No'One quando ela foi raptada e ficou grávida da Xhex.
Pouco mais há a dizer deste livro, a não ser que foi bem planeado, porque a autora deu tempo á relação do Tohr e da No'One para crescer e passar por todas as etapas que uma relação deve de passar, bem como o tempo necessário para o Tohr curar a ferida deixada pela perda da Wellsie.
Normalmente comparo esta saga com a da Lara Adrian e neste livro não foi excepção. Gosto de ligar o Tohr ao Rio da saga Midnight Breed e enquanto que na saga da Lara Adrian, o Rio é traído pela mulher e depois apaixona-se logo por outra rapariga, o Tohr leva o seu tempo.
E agora tragam-me mas é o livro do Qhuinn e do Blay, que eu não aguento mais.

Sinopse;
In the darkest corners of the night in Caldwell, New York, a conflict like no other rages. The city is home to a band of brothers born to defend their race: the warrior vampires of the Black Dagger Brotherhood. Now back in the Brotherhood – and unrecognisable as the vampire leader he once was –Tohrment is physically emaciated and heartbroken beyond despair. When he begins to see his beloved in his dreams – trapped in a cold, isolating netherworld – Tohr turns to a self-serving fallen angel in hopes of saving the one he has lost. When he's told he must learn to love another to free his former mate, Tohr knows they are all doomed . . . Except then a female with a shadowed history begins to get through to him. Against the backdrop of the raging war with the lessers, and with a new clan of vampires vying for the Blind King's throne, Tohr struggles between the buried past, and a very hot, passion-filled future . . . but can his heart let go and set all of them free? 

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Will you love me? Even with my dark side?

Este fim de semana foi um autêntico caos na minha mente.
Com tudo o que me aconteceu no passado é-me impossivel afirmar com veracidade que está tudo totalmente bem comigo. Não está e nunca estará, por muito que eu queira, por muito tempo que passe, por muito que as pessoas façam. Vou sempre desconfiar de tudo, vou sempre criar todos os cenários possiveis e imaginários na minha mente, vou sempre esconder os meus sentimentos.
E basicamente foi isso que aconteceu.
Estava tão preocupada que todos estivessem felizes e que não se preocupassem que, sem me aperceber, esqueci-me de mim. Esqueci-me dos meus sentimentos, esqueci-me do que me fazia feliz.
Não culpo mais ninguém a não ser eu própria, porque fui eu que me esqueci, fui eu que deixei essas preocupações de lado e me foquei nos outros.
A verdade é que quero ver as pessoas felizes, especialmente a minha irmã e o meu pai e, na minha cabeça, se lhes falo dos meus sentimentos e preocupações, acabarei por os deixar infelizes e eles não merecem isso.
Ás vezes pode não parecer, mas tudo o que faço é para que lhes possa proporcionar alguma felicidade, para lhes facilitar a vida. Custa-me imenso deixa-los em Portugal, especialmente sabendo dos tempos que se aproximam, mas se ficar vou apenas dar despesa e acabo por enlouquecer de vez.
Tudo o que queria era um último natal perfeito e nada estava a correr como eu planeava. A minha prima não vai estar connosco, a minha irmã parecia estar chateada comigo, pequenas coisas que as pessoas faziam acabavam por me incomodar ... acabei por não aguentar mais e tudo o que desejava era ter ido para Edimburgo mais cedo e esquecer o natal.
Muitas vezes tenho a impressão que as pessoas pensam que me ir embora é algo fácil para mim. Por um lado é, mas por outro é como deixar um pedaço de mim para trás. Durante 25 anos vivi sempre com o meu pai e com a minha irmã e quando a minha mãe morreu, mais proximos ficamos e só quem passou por algo assim é que percebe o que surge numa tragédia dessas.
Neste momento estou mais calma, mas mesmo assim ainda há algo que não parece encaixar, algo que está incompleto ... parece que terei que esperar para ver se fica resolvido. Pode ser que um pouco de magia natalícia resolva.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

copper.

Acabei de ver "Copper" e tenho a dizer que adorei! Juro que fiquei boquiaberta com a interpretação da Kiara Glasco, que interpreta uma prostituta de dez anos. Mas o que me deixou mais woow? Isto:
Tom Weston-Jones. Já conhecia o rapazinho de "World Without End", mas vê-lo em "Copper" e ainda por cima com aquele sotaque irlandês ...

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

cloud atlas

Muito bom, mas deu-me completamente a volta à cabeça ... pelo menos até me aperceber completamente do significado de tudo aquilo.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Preciso de ir cortar o cabelo.
Normalmente as pessoas apercebem-se disso quando vêm pontas espigadas ... bem, eu nunca tive esse dom.
Quando o meu cabelo começa a ficar oleoso e sem volume, quer dizer que precisa levar um corte.
Eu estava com esperança que ele aguentasse até Janeiro, assim só o cortava antes de ir para Edimburgo, mas não tive tal sorte.
Enfim ...

domingo, 9 de dezembro de 2012

book #149 - lover unleashed

Nunca, mas mesmo nunca, pensei que fosse gostar do livro da Payne. A personagem nunca me tinha chamado a atenção, nunca despertou qualquer interesse na minha pessoa, mas, curiosamente, gostei bastante.
Primeiro, tal como tinha referido no livro "Inveja", a autora cruza em demasia as duas sagas, porque surge um novo inimigo e esse inimigo é quem agride o serial-killer do livro "Inveja", daí o cruzamento das duas histórias.
E depois temos a parte em que a autora decide revisitar histórias antigas. Ou seja, enquanto a Payne anda a tentar recuperar a mobilidade e conquistar o Manny, surge-nos a continuação da história do Vishous e da Jane.
E é aqui que a minha opinião se divide. Adoro o Vishous, adoro ler algo novo da personagem, mas é o livro da Payne e é o "tempo de antena" dela. Claro que a autora vai por um caminho completamente diferente no que diz respeito às restantes autoras de sagas deste género, porque normalmente quando um livro sobre uma personagem é escrito, ela é quase que esquecida completamente, mas neste caso não. E apesar de gostar bastante disso, acho que rouba bastante tempo, tanto é o foco que é dado ás personagens secundárias.
E depois temos a parte mais surpreendente da história ... o Manny é meio-irmão do Butch. Claro que ao ler isto fiquei a pensar "prontos, ela vai usar o caminho mais simples para criar a possibilidade da Payne ficar com o Manny" ... mas não. Apesar de haver a possibilidade de o Manny se tornar um Irmão, a autora optou por outro caminho, o que acabou por me surpreender e recuperar alguma da credibilidade que tinha perdido em relação a esta saga.
Gostei bastante ... e achei muito bem a criação de um novo inimigo, porque a Sociedade dos Minguantes já não levava a grande história e com este novo grupo, há imensas possibilidades em termos de storyline.

Sinopse;
Payne, twin sister of Vishous, is cut from the same dark, seductive cloth as her brother. Imprisoned for eons by their mother, the Scribe Virgin, she finally frees herself-only to face a devastating injury. Manuel Manello, M.D., is drafted by the Brotherhood to save her as only he can-but when the human surgeon and the vampire warrior meet, their two worlds collide in the face of their undeniable passion. With so much working against them, can love prove stronger than the birthright and the biology that separates them?

sábado, 8 de dezembro de 2012

book #148 - sangue ardente

Aos poucos vou-me apercebendo que não há nada de novo a dizer sobre os livros desta saga, porque é sempre mais do mesmo.
É de se esperar que cada livro novo de uma saga traga mais novidades, algo melhor que no livro anterior, mas tal não tem acontecido com esta saga.
Ao ler este livro apercebi-me de duas coisas e não sei se é algo positivo ou negativo.
Primeiro, todos os livros seguem sempre o mesmo "caminho". A Sookie está descansada, começa a pensar "já há algum tempo que as coisas andam calmas e espero que assim permaneçam" e aí, boom, aparece um cadáver ou um plano para assassinar alguém. No fim, tudo é desenrascado de maneira a livrar a Sookie de uma visita à prisão.
E segundo, este é antepenúltimo livro da saga e em vez de começarem a aparecer respostas para todas as questões que têm sido levantadas ao longo da saga, a autora tem optado por acrescentar mais dúvidas aos leitores.
Acho que no décimo terceiro livro, o último da saga, será algo do género Q&A, porque o monte de perguntas que têm surgido na minha mente ao longo do tempo que tenho acompanhado a saga, é o suficiente para escrever um livro inteiro.

Sinopse:
Para Sookie Stackhouse, empregada de bar que consegue ler pensamentos, a Primavera será rica em segredos revelados, segredos que trarão grandes mudanças à sua vida. Com o seu talento para se meter em sarilhos, Sookie testemunha um ataque bombista ao Merlotte's, o bar onde trabalha. Sam Merlotte assumiu a sua natureza de metamorfo, por isso, as suspeitas apontam imediatamente para os anti-metamorfos locais. Mas Sookie tem outra opinião e alia-se a ele para descobrir o culpado.
Entretanto vê-se forçada a dividir a sua atenção. Apesar de não conseguir ler a mente dos vampiros, Sookie conhece bem o seu namorado, Eric Northman, e Pam, a vampira que este criou, e percebe que conspiram para assassinar o vampiro que se tornou mestre deles. Gradualmente, vê-se arrastada para a conspiração, que se revela cada vez mais complicada.
Novamente embrenhada nas intrigas políticas do mundo dos vampiros, Sookie descobre que é apenas um peão, como qualquer outro humano... e que há uma nova rainha no tabuleiro...

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

rise of the guardians.

Não me lembro da última vez que vi um filme de animação e que adorei, ficando com vontade de o rever vezes sem conta ...
Avista-se um segunda ida ao cinema ...